Publicado em

ESQUADRANDO O LIVRO: “ESCLARECIMENTOS SOBRE MAÇONARIA”

Sou um fã confesso de William Preston, não apenas pelos seus escritos, mas principalmente por sua história maçônica, alicerçada em coragem e iniciativas. Cheguei a escrever um texto em sua homenagem, a Oração aos Prestonianos.

Então, imagine minha felicidade ao ver que sua obra-prima, Illustrations of Masonry, foi traduzida e publicada em português! Minha única preocupação era quanto a qualidade da tradução, visto alguns casos de tradução brasileira que, simplesmente, haviam desperdiçado papel.

Com o título de Esclarecimentos sobre Maçonaria, e publicado pela Arcanum Editora, a obra, que acumula 416 páginas, mostra-se bem traduzida, incluindo o respeito a terminologia maçônica (é péssimo quando se pega um livro maçônico traduzido por um profano). O material gráfico ganhou atenção condizente com a relevância da obra, o que inclui o papel, a arte da capa, a escolha das fontes e a diagramação.

Trata-se de leitura recomendada a todo irmão interessado na história do desenvolvimento da Maçonaria Especulativa como a conhecemos, em especial sobre as práticas e compreensões maçônicas anglosaxônicas. Aqueles que já leram Ahiman Rezon irão se deliciar, pois há similaridades, incluindo a carta de John Locke, bem como informações complementares.

O livro pode ser adquirido pela Amazon, Submarino e Americanas.com

3 comentários sobre “ESQUADRANDO O LIVRO: “ESCLARECIMENTOS SOBRE MAÇONARIA”

  1. Salve, Kennyo! Vou sugerir ao VM de minha loja a aquisição desse livro para nossa biblioteca. Aproveitando, você saberia sugerir alguma tradução em português de Moral e Dogma? Muitos Ir. não dominam o idioma inglês e mesmo os que tem um nível médio na lingua ainda apanham do vocabulário da obra… TFA!

    Kennyo Ismail – Meu Irmão Andrei, a Editora Yod publicou o Moral e Dogma, dividindo-o em Tomos. Apesar de caro ao se comprar todos os exemplares, a tradução ficou decente.

  2. Estou lendo o referido livro traduzido por Hugo Ramirez. No livro destaco na página 44: ” Se um irmão estiver em necessidade, todo coração é tocado; quando ele estiver com fome, nós o alimentamos; quando estiver nu, nós o vestimos; quando estiver em perigo, nós voamos ao seu resgate. Assim confirmamos a justeza do título que portamos, e convencemos o mundo em geral que IRMÃO, entre os Maçons, é mais do que o título”. Estou convencido que muitos maçons deveriam refletir profundamente sobre a mensagem deixada por Preston. Maçonaria não é um “clube social” é muito mais, é uma verdadeira fraternidade . Abraço fraterno ao “mano” Kennyo Ismail.

  3. Irm Kênnyo – Estou adquirindo a recomendada obra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *